a z a r

* * *

Tive um sonho. Eu era espancado num beco escuro. A saraivada de murros se confundia ao esgazear da luz de um poste distante como asteróides sobrepostos à noite clara da Via Láctea. Revidei, atingindo o criado-mudo que, surpreendentemente, soltou um gemido.

 

Anúncios
Padrão

4 comentários sobre “* * *

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s